Mercados recuperam após queda com vitória de Donald Trump
Página principal Síntese, Eleições nos EUA, Donald Trump

A seleção das principais notícias do dia pela redação do Insider.pro

E o mundo, lentamente, também

Mercados recuperaram o que perderam após a vitória de Donald Trump, com o Dow Jones Industrial Average a aproximar-se de uma alta recorde e as ações asiáticas a recuperarem na negociação desta manhã. As vencedoras incluem prisões privadas, empresas relacionadas com defesa e com produção de carvão e farmacêuticas. As perdedoras incluem fabricantes de armas.

As razões pelas quais tantos americanos escolheram Donald Trump
As razões pelas quais tantos americanos escolheram Donald Trump

Barack Obama convidou Donald Trump para uma reunião

O presidente dos EUA convidou o seu sucessor – que ameaça desmantelar todo o legado de Obama – para discutir uma transição ordenada. O presidente eleito Trump será investido a 20 de janeiro.

Narendra Modi visita o Japão

O primeiro-ministro indiano procura assinar um acordo nuclear com o país. Os dois países irão também discutir questões relacionadas com comércio, investimento e segurança durante a sua visita.

Divulgação de ganhos da Disney

A gigante de media (NYSE: Walt Disney Company [DIS]) está sob escrutínio depois do seu lucrativo ESPN ter perdido centenas de milhares de assinantes e as visitas aos seus parques temáticos terem diminuído. As casas de moda Ralph Lauren (NYSE: Ralph Lauren Corporation [RL]) e Michael Kors (NYSE: Michael Kors Holdings [KORS]) também relatam os seus ganhos.

Hillary Clinton realizou um doloroso discurso de derrota

A antiga secretária de Estado dos EUA avançou que espera que Trump seja um presidente bem-sucedido para todos os americanos e que “devemos-lhe uma mente aberta e uma hipótese para liderar.” A “amabilidade” de Clinton, ou ausência da mesma, poderá ter desempenhado um forte papel na sua derrota, com milhões de democratas a optar por não votar.

Gabinete de Donald Trump começa a ganhar forma

Apoiantes como Rudolph Giuliani, o governador de New Jersey Chris Christie e o senador Jeff Sessions estão alegadamente a ser considerados para grandes cargos. Não se surpreenda se também vir Sarah Palin envolvida.

Gráfico: Donald Trump venceu as eleições presidenciais nos EUA
Gráfico: Donald Trump venceu as eleições presidenciais nos EUA

Protestos anti-Trump por todo o país

Manifestantes em Nova Iorque, Chicago, Seattle e outras cidades reuniram-se e cantaram frases como “not my president” (não é o meu presidente). Em Los Angeles os manifestantes queimaram uma efígie de Trump.

Trump tranquilizou a Coreia do Sul

Numa chamada para a presidente Park Geun-hye reforçou o seu compromisso de defesa da nação sob uma aliança de segurança existente, de acordo com a agência de notícias Yonhap. Durante a sua campanha avançou que poderia retirar tropas dos EUA a menos que Seul pagasse uma grande parte do custo com as mesmas.

Reações à vitória de Trump pelo mundo

Líderes autoritários em África celebraram a vitória e Vladimir Putin aplaudiu a hipótese de restaurar relações (e talvez escapar a sanções). Cuba, desconfiada com uma possível reversão diplomática, realizou exercícios militares.

Calendário económico

  • 13:30 GMT (USD) Pedidos Iniciais de Subsídio de Desemprego
  • 14:15 GMT (USD) Discurso de Bullard, Membro do FOMC
  • 19:00 GMT (USD) Balanço Orçamentário Federal (Out)
Leia também:

Хотите узнать больше о гражданстве за инвестиции? Оставьте свой адрес, и мы пришлем вам подробный гайд

Por favor, descreva o erro
Fechar
Fechar
Obrigado pelo seu registo
Faça um "gosto" a esta página para que possamos continuar a publicar artigos interessantes gratuitamente