Crescimento da economia portuguesa em 2016: números são conhecidos hoje
Rafael Marchante/Reuters
Página principal Síntese, Bancos Centrais, China, EUA, Donald Trump

As principais notícias do dia, uma seleção da redação do Insider.pro

PIB em 2016: analistas apontam para crescimento de 1,3%

O Instituto Nacional de Estatística divulga hoje as suas estimativas quanto às contas nacionais no quarto trimestre de 2016, apresentando também a evolução do PIB no ano passado como um todo. Analistas consultados pela Lusa apontam para crescimento de 1,3% – o que, a confirmar-se, representa uma desaceleração face ao ano anterior. Também será conhecida hoje a evolução do PIB nos restantes países europeus.

Janet Yellen enfrenta Senado dos EUA

Os mercados irão procurar indícios de quando poderão ocorrer aumentos das taxas de juro – e de quantos aumentos poderão ter lugar – este ano, com a presidente da Reserva Federal dos EUA a enfrentar o Senado em Washington. Será a primeira vez que Yellen se dirige aos legisladores norte-americanos desde que os republicanos ganharam o controle do Congresso e Casa Branca.

Benjamin Netanyahu encontra-se com Donald Trump

O primeiro-ministro israelita espera uma melhor relação com Trump do que a vivida com Barack Obama. Trump foi um forte defensor do governo israelita durante a sua campanha mas avançou, recentemente, que a expansão de colonatos em territórios ocupados “não ajuda” o processo de paz.

Fossil Group relata os seus ganhos

A fabricante de relógios tradicionais (NASDAQ: Fossil Group [FOSL]) deverá anunciar uma queda das vendas entre concorrência de smartwatches e smartphones. Os investidores irão procurar dados quanto a novas estratégias, como maior envolvimento em tecnologia utilizável.

Michael Flynn renunciou abruptamente como conselheiro de segurança nacional de Trump

A sua saída seguiu-se a avisos do Departamento de Justiça quanto às suas ligações à Rússia – e a inconsistências nas suas explicações das mesmas. Flynn terá, aparentemente, enganado o vice-presidente Mike Pence ao avançar que não tinha discutido sanções com o embaixador da Rússia antes de se juntar ao governo.

Medidas de inflação chinesas atingiram máximos plurianuais em janeiro

O índice de preços ao produtor subiu 6,9% – para o nível mais elevado desde 2011 – e o índice de preços ao consumidor caiu 2,5%, face a 2015 – tratando-se do maior ritmo desde meados de 2014. Os números sugerem recuperação sustentada ao nível da produtividade e crescimento, com o banco central a considerar política monetária mais apertada.

Justin Trudeau encontrou-se com Donald Trump

Os líderes não discutiram a polémica repressão de Trump a refugiados e imigrantes, com Trudeau a argumentar que os canadianos não esperam que ele “ensine outro país quanto a como governar”. As negociações centraram-se ao redor do comércio transfronteiriço.

Toshiba adiou divulgação de resultados trimestrais de forma inesperada

Os investidores aguardavam a divulgação para entender a situação do seu segmento de energia nuclear – com uma queda que poderá ascender a 6 mil milhões de dólares, entre perspetivas decrescentes e uma série de projetos desastrosos no sul dos Estados Unidos. A empresa não avançou nova data para a divulgação de resultados – e as suas ações caíram 9,5% aquando do adiamento.

Calendário Económico

  • 01:30 (CNY) IPC (Anual) (Jan)
  • 07:00 (EUR) PIB - Alemanha (Trimestral) (4º Trimestre)
  • 09:30 (GBP) IPC (Anual) (Jan)
  • 10:00 (EUR) Índice de Sentimento Económico (ZEW) - Alemanha (Fev)
  • 13:30 (USD) IPP (Mensal) (Jan)
  • 15:00 (USD) Depoimento de Yellen, Presidente do Banco Central
Leia também:

Хотите узнать больше о гражданстве за инвестиции? Оставьте свой адрес, и мы пришлем вам подробный гайд

Por favor, descreva o erro
Fechar
Fechar
Obrigado pelo seu registo
Faça um "gosto" a esta página para que possamos continuar a publicar artigos interessantes gratuitamente