Verizon revelou novo nome para a Yahoo e AOL
Robert Galbraith/Files/Reuters
Página principal Síntese, Ataques terroristas, Rússia, Espanha, China

As principais notícias do dia, uma seleção da redação do Insider.pro

Marissa Mayer não fará parte da nova empresa por detrás da Yahoo

As duas empresas combinadas irão chamar-se Oath (que significa juramento), de acordo com um tweet do CEO da AOL, Tim Armstrong. O nome foi rapidamente explorado nas redes sociais. Entretanto, de acordo com a Recode, Marissa Mayer, CEO da Yahoo (NASDAQ: YHOO.NASDAQ), não fará parte da nova empresa, que será liderada por Armstrong.

Dalai Lama inicia visita sensível pelo nordeste da Índia

A China declara que o estado de Arunachal Pradesh pertence ao “sul do Tibete” e é provável que veja a viagem de nove dias do líder budista tibetano como uma provocação.

Embaixador do Japão volta à Coreia do Sul…

Yasumasa Nagamine tinha-se retirado em protesto contra uma estátua que homenageava mulheres sul-coreanas que tinham sido agredidas sexualmente por militares japoneses. As relações entre os dois países estão a aquecer com a perspetiva de um novo presidente sul-coreano e de novas ameaças da Coreia do Norte.

... E o Partido Popular centrista da Coreia do Sul escolhe um candidato presidencial

O antigo presidente do partido Ahn Cheol-soo será quase certamente o escolhido, seguindo-se à seleção de Moon Jae-in do Partido Democrata. As eleições presidenciais terão lugar no próximo mês.

S&P reduziu classificação de crédito da África do Sul para lixo

O rebaixamento, que surgiu depois do presidente Jacob Zuma ter despedido o seu ministro das Finanças, marca a primeira vez que o país não tem um grau de investimento desde 2000. O rand, que caiu depois de Pravin Gordhan ter sido demitido, caiu uns adicionais 2,3%.

Justin Trudeau passou teste de popularidade junto dos eleitores

O partido do primeiro-ministro do Canadá manteve o poder em cinco eleições parciais em todo o país. Apesar dos Liberais continuarem a usufruir de maioria no parlamento, insatisfação com a economia e quanto à imigração ilegal irá provavelmente tornar as próximas eleições mais difíceis.

Ferdinand Piech cortou laços com a Volkswagen

O antigo presidente de 80 anos concordou com a venda de “uma grande parte” da sua participação de controle na empresa (XETRA: VOW3), no valor de cerca de mil milhões de dólares, às famílias Piech e Porsche na gestão. O neto de Ferdinand Porsche perdeu uma luta pelo poder corporativo em 2015.

Calendário Económico

  • 05:30 (AUD) Decisão sobre Taxa de Juro (Abr)
  • 05:30 (AUD) Declaração Taxa RBA
  • 09:30 (GBP) PMI Construção (Mar)
  • 14:30 (EUR) Discurso de Draghi, Presidente do BCE
Leia também:

Хотите узнать больше о гражданстве за инвестиции? Оставьте свой адрес, и мы пришлем вам подробный гайд

Por favor, descreva o erro
Fechar
Fechar
Obrigado pelo seu registo
Faça um "gosto" a esta página para que possamos continuar a publicar artigos interessantes gratuitamente