Paradise Papers revelam riqueza escondida
AP Photo/Matt Dunham
Página principal Síntese, Rússia, Panama Papers, União Europeia, Espanha, Donald Trump
Tema do momento
6 Novembro
1092 1k

Uma seleção das principais notícias desta manhã

Desvendadas contas offshore da elite global

Numa divulgação semelhante aos Panama Papers, jornalistas à volta do mundo começaram a publicar histórias que revelam contas financeiras offshore – fora do alcance da maioria dos governos – detidas pela elite global. As descobertas incluem fundos da Rainha Isabel II nas ilhas Caimão e nas Bermudas e investimentos do Kremlin na Facebook e Twitter.

Eurogrupo reúne em Bruxelas

Os ministros das Finanças da União Europeia irão encontrar-se na capital belga para discutir a união bancária e preparar a cimeira do euro de dezembro. Com a saída de Jeroen Dijsselbloem, presidente do Eurogrupo, em janeiro de 2018 também será estabelecido um plano para eleição do seu sucessor.

Broadcom avançou oferta de 100 mil milhões de dólares pela sua principal rival

A fabricante de chips (NASDAQ: AVGO) avançou uma oferta – não solicitada – pela Qualcomm de 70 dólares por ação. Será a maior aquisição no mundo da tecnologia alguma vez realizada, caso venha a verificar-se. Porém, é provável que a Qualcomm (NASDAQ: QCOM) recuse o acordo.

Presidente dos EUA chegou ao Japão

Donald Trump foi recebido ontem por Shinzo Abe, primeiro-ministro japonês. Esta manhã Trump lamentou o facto de o “Japão estar a vencer” no que diz respeito ao comércio com os EUA, exortando o país a fabricar os seus carros na América: “Experimentem construir os vossos carros nos Estados Unidos em vez de os exportarem para lá.”

Warren Buffett do Médio Oriente foi preso na Arábia Saudita

O príncipe Alwaleed bin Talal foi um dos pelo menos 10 príncipes detidos este sábado por alegada corrupção – uma iniciativa de consolidação de poder do príncipe herdeiro Mohammed bin Salman. Com investimentos substanciais em empresas como a Apple (NASDAQ: AAPL), Citigroup e 21st Century Fox, Alwaleed é considerado o 45º indivíduo mais rico do mundo.

Presidente da Catalunha entregou-se às autoridades belgas

Um juiz concedeu a Carles Puigdemont e quatro antigos ministros liberdade condicional dentro do país – que deixaram dois depois do governo central de Espanha ter emitido um mandado de prisão contra os mesmos. Os cinco encaram potencial extradição para Espanha, onde foram acusados de rebelião e uso indevido de fundos públicos.

Calendário Económico

  • 15:00 (CAD) PMI Ivey (Out)
Leia também:

Хотите узнать больше о гражданстве за инвестиции? Оставьте свой адрес, и мы пришлем вам подробный гайд

Por favor, descreva o erro
Fechar
Fechar
Obrigado pelo seu registo
Faça um "gosto" a esta página para que possamos continuar a publicar artigos interessantes gratuitamente