Representantes da Coreia do Sul chegam hoje a Pyongyang
Jung Yeon-je/Pool Photo via AP
Página principal Síntese, China, Petróleo, EUA, Coreia do Norte, Donald Trump

Uma seleção das principais notícias desta manhã

Seul procura aprofundar relação diplomática com Pyongyang

Representantes seniores da Coreia do Sul irão falar com homólogos norte-coreanos sobre a necessidade de desnuclearização do país e a possibilidade de se iniciar um diálogo entre o mesmo e os EUA. A Coreia do Norte não realiza testes a armamento desde novembro mas alertou que irá “ripostar” se tiverem lugar exercícios militares conjuntos conduzidos pelos EUA e Coreia do Sul em abril.

Conhecidos hoje os resultados completos das eleições legislativas em Itália

As projeções sugerem que não irá surgir um bloco parlamentar com maioria absoluta após as eleições de ontem, domingo — com os eleitores a focarem-se em opções anti-establishment e de extrema direita no meio de descontentamento com a imigração e economia mais lenta. É provável que o país enfrente meses de impasse político — sendo uma coligação mais euro-céptica um possível resultado.

Inicia-se hoje o Congresso Nacional do Povo na China

Estima-se que seja discutido, ao longo das próximas duas semanas de congresso, o limite de dois termos de mandato para o presidente e vice-presidente da China. A verificar-se uma mudança a esse nível Xi Jinping, de 64 anos, poderá servir indefinidamente. Do congresso também poderá resultar a nomeação de Wang Qishan, aliado de Xi Jinping, como vice-presidente do país.

Arranca hoje a CERAWeek, conferência centrada no petróleo

Executivos de topo da indústria petrolífera irão encontrar-se esta semana na conferência CERAWeek, com lugar em Houston (Texas, EUA), no meio de crescente produção de petróleo de xisto nos Estados Unidos — que poderá permitir que os EUA ultrapassem a Rússia como maior produtor de petróleo do mundo este ano.

Governo alemão alcançou coligação

Os sociais democratas mostraram a sua intenção de formar coligação com os democratas cristãos da chanceler Angela Merkel. Estima-se que este quarto mandato seja o último para Merkel, o que significa que a chanceler se encontrará menos limitada pela política doméstica e mais livre para apoiar o presidente francês Emmanuel Macron no que a reformas da União Europeia diz respeito.

China aumentou despesa militar

O orçamento para a Defesa irá alcançar os 175 mil milhões de dólares este ano, um aumento de 8,1% face a 2017, com Pequim a continuar a modernização do Exército Popular de Libertação. Harry Harris, chefe do Comando do Pacífico dos EUA, alertou no mês passado para o rápido avanço da tecnologia militar chinesa, afirmando que os EUA poderão ter dificuldades em competir em “futuros campos de batalha”.

Donald Trump mencionou a “presidência para a vida"

Num evento de angariação de fundos Donald Trump elogiou a iniciativa do presidente chinês Xi Jinping de ponderar a colocação de termo ao limite de mandatos, ou seja, a possibilidade de “presidência para a vida” — e disse “talvez tenhamos de o experimentar um dia”. Donald Trump também criticou o antigo presidente George W. Bush pela decisão de invadir o Iraque.

Calendário Económico

  • 09:30 (GBP) PMI Serviços (Fev)
  • 15:00 (USD) PMI ISM Não-Manufatura (Fev)
Leia também:

Хотите узнать больше о гражданстве за инвестиции? Оставьте свой адрес, и мы пришлем вам подробный гайд

Por favor, descreva o erro
Fechar
Fechar
Obrigado pelo seu registo
Faça um "gosto" a esta página para que possamos continuar a publicar artigos interessantes gratuitamente