5 Razões para usar a mesma roupa todos os dias
Página principal Estilo de Vida

A experiência do minimalista Joshua Becker, que procura inspirar os outros a “ter menos e a viver mais”, contada na primeira pessoa

Há alguns anos comecei a utilizar a mesma roupa todos os dias – uma t-shirt cinzenta e calças caqui – de forma intencional. Tratou-se de uma experiência de uma semana. Queria ver o que as pessoas diriam – e qual o impacto, em mim, da experiência.

A cada dia que passava perguntava-me quando é que as pessoas diriam, finalmente: “Já chega Joshua! Porque estás a usar isso novamente?” Se não mencionassem nada, estariam secretamente a pensar no assunto?

Mesmo estando a usar as mesmas roupas todos os dias de forma voluntária, senti pressão para mudar. A maioria de nós está treinado para procurar uma roupa nova todas as manhãs – eu não era exceção.

As normas e os hábitos sociais são potentes influenciadores das nossas compras – e pesavam sobre mim. As marcas de roupa produzem ativamente coleções sazonais para “atualizarem” constantemente as lojas. Entre numa loja hoje e poderá não reconhecê-la na próxima semana.

Devido a esse condicionamento, imaginava toda a gente a olhar para a minha opção de reciclagem e a julgar-me por isso.

No entanto, uma semana de experiência e ninguém mencionou nada.

Nesse silêncio senti-me livre.

Na realidade, a maioria das pessoas estava demasiado envolvida nas suas próprias questões para reparar na repetição – um exemplo daquilo a que psicólogos sociais chamam de “efeito spotlight”.

Estas normas sociais podem ser quebradas.

Quer esteja a pensar reduzir o seu guarda-roupa, adotar um uniforme para todos os dias ou consumir menos, seguem-se cinco razões pelas quais deve fazer esta experiência de uma semana.

1. Redução da fadiga das decisões

Não podemos escapar a decisões. Até mesmo nos nossos sonhos estamos a pensar no que fazer a seguir. Somos consumidos por cada opção – e as decisões com maiores consequências consomem mais da nossa energia. Quando cansadas, as pessoas tomam mais decisões de curto prazo, de gratificação instantânea – com o consumo a tornar-se mais comum no meio da fadiga. Embora possa parecer algo pequeno, adotar roupa diária mais universal poderá oferecer-lhe grande poder de tomada de decisão a cada dia.

2. Reconhecimento do que lhe fica bem

Desde que adotei um estilo de vida minimalista que procurei opções básicas que funcionem em todas as situações. A minha roupa mais frequente nos dias de hoje tende a ser uma t-shirt preta, adequada ao corpo, e calças casuais caqui. Ao utilizar algo por uma semana, fui testado. Ficaria aborrecido? Será que a opção escolhida me fica bem? Curiosamente, reconheci que a roupa era importante para mim. Encontrar o seu “look” poderá levar tempo mas perceber aquilo com que se sente confiante e confortável irá compensar.

3. Redução do guarda-roupa

O minimalismo consiste em focar-se no que interessa – livrando-se do resto. Aplica-se rapidamente a várias situações, especialmente no que toca o vestuário. Ao longo dos anos, apliquei ativamente esta filosofia evitando a substituição de itens. Lentamente, concentrei-me nos meus itens mais importantes. Agora, o meu armário é mais pequeno e está mais arrumado que nunca. Quando procuro algo para vestir, encontro logo os meus favoritos.

4. Adoção de moda intemporal

Valorizo a qualidade das amizades acima de qualquer coisa. Escusado será dizer que escolho qualidade sobre quantidade. Ao adotar esta mesma mentalidade para a roupa pode avaliar que artigos são mais importantes para si.

Da mesma forma, quando compra uma peça nova, imagine o seu lugar no seu armário ao longo de anos. Ainda a quererá? A moda fornece oportunidade infinita para gastar. Em vez disso, foque-se em bens de qualidade que possam durar anos – preferencialmente de marcas que o encorajam a reparar e reciclar antes de comprar peças novas.

5. Mais tempo livre

Uma semana depois coloquei a minha t-shirt e calças a lavar – uma lavagem muito necessária. Ao consumir menos ao longo da semana tive menos para limpar. Uma vez mais, pude focar-me no mais importante: tempo com a minha família. Em vez de lavar, secar e dobrar roupas pude brincar, ler e ouvir.

Há vários exemplos de pessoas famosas que adotaram um armário minimalista e há boas razões pelas quais pessoas bem-sucedidas escolhem vestir o mesmo todos os dias. Steve Jobs poderá ser o mais icónico de todos os exemplos. Em apresentações ou conferências era sempre visto com a mesma camisola preta, calças de ganga e óculos redondos. Não era bem-sucedido por utilizar a mesma roupa em todos estes eventos – mas para um indivíduo excecionalmente ocupado, tratava-se de menos uma decisão a tomar.

Ao vestir o mesmo todos os dias irá perceber melhor o que é mais importante para si – e irá descobrir rapidamente que não são as roupas que veste.

Хотите узнать больше о гражданстве за инвестиции? Оставьте свой адрес, и мы пришлем вам подробный гайд

Por favor, descreva o erro
Fechar
Fechar
Obrigado pelo seu registo
Faça um "gosto" a esta página para que possamos continuar a publicar artigos interessantes gratuitamente