Arrendar ou comprar casa?
Página principal Estilo de Vida

Fará mais sentido arrendar ou comprar casa? Trata-se de uma questão bastante pessoal, claro, que varia consoante a idade, situação profissional e financeira e estatuto. Porém, na certeza de que não há uma resposta certa ou errada, vamos explorar algumas das vantagens e desvantagens das duas opções.

1. Investimento

Ao arrendar casa estará, durante anos, a dar dinheiro a um estranho. Se optar por comprar, recorrendo a um crédito habitação, também terá uma “renda” mensal mas no final a casa será sua. A dada altura viverá na casa sem ter de se preocupar com custos – e, se o pretender, poderá vendê-la ou arrendá-la.

2. Mobilidade

É bastante mais fácil deixar um apartamento arrendado, caso a sua vida mude (vai trabalhar para outra cidade, vai viajar pelo mundo, encontrou uma casa melhor, etc.), do que uma casa comprada. Ao contrair um crédito habitação fica “preso” por vários anos, até a casa se encontrar paga na totalidade.

3. Liquidez

Esta questão relaciona-se em grande medida com os preços dos imóveis e o preço de arrendamento na cidade que pretende. Cálculos mostram que, em muitos casos, torna-se mais rentável arrendar um apartamento – ficando com maior liquidez para outras despesas. No entanto, varia bastante.

4. Conforto

Se a casa for sua, mesmo que ainda a pagar o crédito habitação, pode fazer as reparações que bem entender, pode ter animais domésticos se assim pretender e sentir-se-á pleno proprietário. Caso viva numa casa arrendada, tudo dependerá do proprietário – podendo ter surpresas desagradáveis.

5. Papelada

Para contrair um empréstimo bancário tem de reunir uma pilha de documentação – a comprovar que ganha o suficiente, por exemplo, para pagar o empréstimo – e levar a cabo diversas formalidades com bancos, seguradoras, etc. Neste campo é bem mais simples arrendar um apartamento.

Conclusão

Depois desta análise os leitores poderão pender mais para o arrendamento do que para a compra – mas a realidade é que não existe uma resposta certa, como avançámos. Trata-se sempre de uma opção individual, dependente de planos pessoais/familiares e da disponibilidade de recursos.

Хотите узнать больше о гражданстве за инвестиции? Оставьте свой адрес, и мы пришлем вам подробный гайд

Por favor, descreva o erro
Fechar
Fechar
Obrigado pelo seu registo
Faça um "gosto" a esta página para que possamos continuar a publicar artigos interessantes gratuitamente