12 Viagens de comboio incríveis que deve fazer antes de morrer
Página principal Estilo de Vida

Quer seja para se inspirar para escrever um romance quer seja para realizar uma escapadela romântica, um passeio de comboio é sempre uma excelente ideia – surgindo também como uma das melhores formas de viajar.

A edição de agosto/setembro da National Geographic Traveler reuniu imagens das melhores viagens de comboio do mundo, de acordo com um viajante experiente. Seguem-se as nossas 12 favoritas.

A viagem de comboio entre Belgrado e Bar passa por mais de 435 pontes e 254 túneis, da capital da Sérvia às margens do Adriático no Montenegro. A viagem dura cerca de 10 horas.

Não há melhor forma de conhecer o coração da América que através do California Zephyr, um percurso ferroviário que sobe às Montanhas Rochosas e à Serra Nevada antes de descer para a costa do Pacífico.

Os passageiros do Canadian passam três dias a observar planícies douradas e terras pitorescas a partir das suas carruagens numa viagem entre Toronto e Vancouver.

O Royal Rajasthan on Wheels é um resort de luxo sobre carris – conta, entre outras amenidades, com um spa. Os passageiros passam por templos, fortes e pelo Taj Mahal numa viagem de sete noites.

O Glacier Express liga dois grandes resorts de montanha nos Alpes suíços, oferecendo aos passageiros uma viagem pelos picos nevados, campos e aldeias de livros de contos da Suíça.

O Train to the Clouds segue trilhas em ziguezague nos Andes acidentados entre Salta, na Argentina, e a fronteira chilena. É uma viagem de comboio que passa por altitudes elevadas.

A viagem a bordo do Shongololo Express inclui paragens em reservas de vida selvagem e em mercados de artesanato pela Namíbia, África do Sul e Zimbabwe.

O Transiberiano oferece uma viagem de 14 dias pela Rússia, de Vladivostok a Moscovo, passando por pastagens sem fim e pelo Lago Baikal, o lago mais profundo da Terra.

O Ghan leva os seus viajantes através do centro da Austrália, oferecendo acesso a um cenário único e a locais indígenas que se encontram de outra forma inacessíveis.

O Expresso do Oriente, circuito centenário, transporta os seus viajantes para a era de ouro das viagens ferroviárias com jantares de quatro pratos e muito glamour. A viagem tem lugar entre Londres e Veneza e dura dois dias.

Na Nova Zelândia, o TranzAlpine permite que os viajantes desfrutem de vistas épicas e de paisagens inspiradoras entre Christchurch e Greymouth. Percorre perto de 225 km em pouco menos de cinco horas.

O Belmond Grand Hibernian leva um “mundo cintilante de indulgência” ao campo irlandês. As suas carruagens de observação oferecem vistas imaculadas entre Dublin e Cork ou Belfast.

Хотите узнать больше о гражданстве за инвестиции? Оставьте свой адрес, и мы пришлем вам подробный гайд

Por favor, descreva o erro
Fechar
Fechar
Obrigado pelo seu registo
Faça um "gosto" a esta página para que possamos continuar a publicar artigos interessantes gratuitamente