Manchester: ataque bombista matou pelo menos 22 pessoas
Peter Byrne/PA via AP
Página principal Notícias, Ataques terroristas, Coreia do Norte, Rússia, Brasil, Donald Trump, EUA, Espanha, Apple, China
Tema do momento
23 Maio
2172 2k

As principais notícias do dia, uma seleção da redação do Insider.pro

Ataque bombista em Manchester ainda não foi reivindicado

O ataque deu-se ontem, por volta das 22:30, em concerto da norte-americana Ariana Grande no Manchester Arena. A polícia britânica está a tratar o caso como ataque terrorista e funcionários norte-americanos descreveram-no como atentado suicida. O mesmo ainda não foi reivindicado – mas apoiantes do Estado Islâmico recorreram ao Twitter para celebrar.

NASA realiza missão de emergência para reparar computador defeituoso da Estação Espacial Internacional

Dois astronautas irão passar, pelo menos, duas horas a substituir um computador defeituoso, que é responsável por sistemas cruciais como de energia solar, aquecimento e refrigeração.

Tem início julgamento de Park Geun-hye por corrupção

A antiga presidente sul-coreana é acusada de ter aceite 26 milhões de dólares como subornos de grandes empresas – como a Samsung. Espera-se que um juiz decida se Park e a sua confidente próxima, Choi Soon-sil, serão julgadas em conjunto ou em separado.

Coreia do Sul elegeu um novo presidente
Coreia do Sul elegeu um novo presidente

Symantec afirmou ser “altamente provável” que grupo de hackers da Coreia do Norte tenha estado por detrás do WannaCry

A empresa de segurança relatou que existem ligações fortes entre o Lazarus Group e o ataque de ransomware, que ainda mantém centenas de milhares de computadores como reféns. O governo dos EUA afirmou que o grupo de hackers trabalha a pedido do governo norte-coreano.

Apple revelou que recebeu intimação do governo dos EUA

A empresa (NASDAQ: Apple [AAPL]) divulgou essa informação no seu último relatório de transparência, avançando que lhe foi exigida informação pessoal de um cliente. A tecnológica não publicou a ordem – nem disse quando esta foi recebida.

Vivendi considera IPO do Universal Music Group

O conglomerado francês de media (EURONEXT: Vivendi [VIV]) avançou que a ascensão de serviços de streaming de música – como o Spotify – poderá resultar na venda de uma participação minoritária da maior empresa de música do mundo. A receita de streaming de música da indústria aumentou 60%, para 3,9 mil milhões de dólares, no ano passado.

Calendário Económico

  • 07:00 (EUR) PIB - Alemanha (Trimestral) (1º Trimestre)
  • 08:30 (EUR) PMI Industrial - Alemanha (Mai)
  • 09:00 (EUR) Índice Ifo de Clima de Negócios - Alemanha (Mai)
  • 15:00 (USD) Venda de Casas Novas (Abr)
Leia também:

Хотите узнать больше о гражданстве за инвестиции? Оставьте свой адрес, и мы пришлем вам подробный гайд

Por favor, descreva o erro
Fechar
Fechar
Obrigado pelo seu registo
Faça um "gosto" a esta página para que possamos continuar a publicar artigos interessantes gratuitamente